Crítica: Mortal Kombat Legacy – Ep 2

IMDB: http://www.imdb.com/title/tt1842127/

Obs: Recomendo ver o segundo episódio antes de continuar, o texto contém spoilers =) !

Se eu fosse começar o texto da mesma forma como começa o segundo episódio de Mortal Kombat Legacy eu seria um preguiçoso. O segundo episódio começa exatamente onde terminou o anterior mas, caramba… Era preciso mesmo revisar o primeiro episódio quase inteiro, desperdiçando um tempo precioso do novo episódio? Acho completamente desnecessário, já que tenho certeza que a maioria que irá assistir o segundo já viu o primeiro. Soa como se não houvesse material suficiente para mostrar.

Mais uma vez a luta entre Jax e Kano é completamente automática – até os Power Rangers demonstram mais energia. A canastrice de Kevin Tancharoen como diretor extrapola o aceitável, a ponto de colocar personagens atirando de costas enquanto andam ou fazendo pausas ridículas durante a ação, virados para a câmera (lenta…) antes de desferir um golpe. Triste… Mas fica pior.

Eu ainda não acredito na esdrúxula superforça do soco de Jax e no olho voador de Kano – sempre que me lembro levo as mãos ao rosto, rindo. E a bomba que foi capaz de deixar Sonia desacordada, Jax em estado gravíssimo, mas Kano sem um arranhão além dos ferimentos que já tinha, devido a um erro ridículo de montagem?

Mas o cúmulo da preguiça foi a cena da explosão simplesmente ser cortada já para o hospital, com Sonia acordando e Jax sendo levado para um laboratório. Caramba, como vão explicar a substituição dos braços do personagem: “-Seus braços voaram do seu corpo com a explosão, mas colocamos estes melhorados para você poder lutar contra Kano Terminator“? Putz.

Vamos ver o terceiro… Já estou com medo. 

Anúncios